Frete Grátis - Veja as regras
39 lojas físicas desde 1958
Até 3X sem juros no cartão
Enviamos para todo o Brasil
Compra segura 100% protegida
Cloridrato de Loperamida Com 12 Comprimidos Genérico Sandoz
Cloridrato de Loperamida Com 12 Comprimidos Genérico Sandoz

Cloridrato de Loperamida Com 12 Comprimidos Genérico Sandoz

Código: 94314
|
Estoque: Indisponível
Ops!
Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.
Calculando frete e prazo
Calcule o frete

Comprar Cloridrato de Loperamida Com 12 Comprimidos Genérico Sandoz com melhor preço e entrega em todo o Brasil. Conheça todas as apresentações de Cloridrato de Loperamida

Frete Grátis
veja as regras
39 Lojas Físicas
desde 1958
Até 3X sem juros
a partir de R$100,00
OURO
Loja Ouro E-bit
eleita pelos consumidores

Para que serve Cloridrato de Loperamida Sandoz

Este medicamento é destinado ao tratamento de sintomas como:

  • Diarreia aguda sem causa específica, sem caráter infeccioso;
  • Diarreias crônicas espoliativas, associadas às doenças inflamatórias como Doença de Crohn e retocolite ulcerativa;
  • Nas ileostomias e colostomias, que são cirurgias realizadas em partes do intestino denominadas íleo e cólon, respectivamente, com excessiva perda de água e eletrólitos.

Como o Cloridrato de Loperamida - Sandoz funciona?


Na diarreia, o Cloridrato de Loperamida faz com que as fezes fiquem mais sólidas e diminui a frequência de evacuações.

O Cloridrato de Loperamida tem seu início de ação desde a primeira tomada, ocorrendo uma redução gradual da diarreia.

Estudos clínicos têm demonstrado que o início da ação da loperamida no controle da diarreia aguda ocorre dentro das primeiras 1 a 2 horas seguidas da primeira dose.

Como Usar Cloridrato de Loperamida Sandoz

Cloridrato de Loperamida comprimidos deve ser utilizado somente em adultos.

Os comprimidos devem ser tomados com líquido.

Posologia do Cloridrato de Loperamida - Sandoz


Diarreia aguda

A dose inicial sugerida é de 2 comprimidos (4 mg), seguidos de 1 comprimido (2 mg) após cada subsequente evacuação líquida, até uma dose diária máxima de 8 comprimidos (16 mg), ou a critério médico.

Diarreia crônica

A dose diária inicial é de 2 comprimidos (4 mg). Esta dose deve ser ajustada, até que 1 a 2 evacuações sólidas ao dia sejam obtidas, o que é conseguido, em geral, com uma dose diária média que varia entre 1 a 6 comprimidos (2 mg a 12 mg).

A dose diária máxima não deve ultrapassar 8 comprimidos (16 mg).

Duração do tratamento

Se você apresentar fezes sólidas ou endurecidas, ou se você já estiver há 24 horas sem evacuar, não tome mais o medicamento.

Lesão dos rins

Não é necessário ajustar a dose se você tiver alguma lesão nos rins.

Lesão do fígado

Cloridrato de Loperamida deve ser usado com cuidado se você tiver alguma lesão no fígado.

Pacientes idosos

Não é necessário ajustar a dose para idosos.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Cloridrato de Loperamida - Sandoz?


Cloridrato de Loperamida deve ser tomado regularmente para uso crônico ou como base necessária para diarreia aguda. Se você tomar somente durante a diarreia, o esquecimento de dose não é um problema.

Se Cloridrato de Loperamida está sendo tomado regularmente, as doses de Cloridrato de Loperamida não devem ser esquecidas. Se uma dose for esquecida, tome-a assim que se lembrar.

Se estiver quase na hora da próxima dose, pule esta dose e tome a próxima dose conforme prescrito. Não dobre a dose de Cloridrato de Loperamida ao menos que seu médico tenha orientado.

Contraindicação de Cloridrato de Loperamida Sandoz

O Cloridrato de Loperamida é exclusivamente para uso adulto. Não deve, portanto, ser utilizado por crianças, especialmente as menores de dois anos de idade.

Não tome o Cloridrato de Loperamida se você for alérgico ao Cloridrato de Loperamida, que é o componente ativo do Cloridrato de Loperamida, ou a qualquer outro componente da fórmula.

O Cloridrato de Loperamida não deve ser usado nos casos de diarreia em que as fezes contenham sangue ou pus ou seja acompanhada de febre.

Não use o Cloridrato de Loperamida se você estiver com constipação (“prisão de ventre") ou estiver com o abdome distendido.

Também não deve ser utilizado se você tiver inflamação no intestino delgado, sem uma indicação específica do seu médico.

O Cloridrato de Loperamida está contraindicado no caso de dor abdominal com ausência de diarreia.

Precauções

Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.

Embora o Cloridrato de Loperamida seja um medicamento para tratar os sintomas da diarreia, ele não trata a sua causa. A causa da diarreia sempre que possível deve ser tratada.

Quando você está com diarreia, há uma grande perda de líquidos através das fezes, que devem ser repostos através da ingestão de mais líquidos do que você normalmente toma.

Caso a diarreia aguda inesperada (diarreia que aparece repentinamente) não melhore dentro de um período de 48 horas, ou se houver o aparecimento de febre, pare de tomar o medicamento e entre em contato com seu médico.

Se ocorrer constipação (“prisão de ventre") durante o tratamento, o mesmo deverá ser suspenso. Caso a "prisão de ventre" seja intensa, avise seu médico.

Se você tem AIDS e está sendo tratado com o Cloridrato de Loperamida para diarreia e apresentar qualquer sinal de abdome distendido, pare de tomar o Cloridrato de Loperamida imediatamente e avise seu médico.

Foram observados casos isolados de constipação com risco aumentado de megacolo tóxico (dilatação e aumento do tamanho de uma porção do intestino denominada cólon) em pacientes com AIDS e colite infecciosa causada por vírus ou bactérias tratados com o Cloridrato de Loperamida.

Foram descritos abuso e má utilização da loperamida, como substituta de opiáceo (substância derivada do ópio), em indivíduos com dependência à opiáceos.

Disfunção hepática

Informe seu médico se você tem problemas no fígado, pois você poderá necessitar de um acompanhamento médico mais rigoroso.

População Especial

Efeito sobre a capacidade de dirigir veículos e operar máquinas

Não há contraindicações em tomar o Cloridrato de Loperamida se você dirige ou opera máquinas, a menos que você esteja sentindo cansaço, tontura ou sonolência.

Gravidez e amamentação

Se você está grávida ou acha que pode estar grávida, informe o seu médico, que decidirá se você pode tomar cloridrato de loperamida.

Não se recomenda o uso do Cloridrato de Loperamida durante a gravidez ou no período de amamentação, pois pequenas quantidades do Cloridrato de Loperamida podem aparecer no leite humano.

Composição

Apresentações

Cloridrato de Loperamida comprimidos 2 mg

Embalagem contendo 12 comprimidos.

Composição

Cada comprimido de 2 mg contém

Cloridrato de Loperamida

2 mg

Excipientes*

1 comprimido

*Lactose monoidratada, fosfato de cálcio dibásico di-hidratado, amido, amidoglicolato de sódio, dióxido de silício, estearato de magnésio.

Superdosagem

Se por acidente, você ingeriu o Cloridrato de Loperamida em quantidades muito grandes, procure logo um médico, principalmente se os seguintes sintomas aparecerem:

  • Rigidez muscular;
  • Movimentos sem coordenação;
  • Sonolência;
  • Miose (contração das pupilas);
  • Diminuição dos movimentos da respiração;
  • Dificuldade para urinar ou íleo (obstrução do intestino).

As crianças são mais sensíveis que os adultos ao Cloridrato de Loperamida.

Se ocorrer ingestão acidental por crianças e algum dos sintomas descritos anteriormente aparecerem, procure um médico imediatamente.

Em indivíduos que ingeriram intencionalmente superdoses (relatados de doses de 40 mg a 792 mg por dia) de Cloridrato de Loperamida, foram observados prolongamento do intervalo QT (intervalo medido no eletrocardiograma, que quando aumentado associa-se ao aumento do risco de arritmias e até morte súbita) e/ou arritmias ventriculares graves (descompasso grave dos batimentos do coração). Casos fatais também foram relatados.

Mais informações

Código do produto: 94314
Marca: SANDOZ GENÉRICO
EAN: 7897595620279
Tipo de Medicamento: Genérico
Registro MS: 1004705250014
Classe Terapêutica: Inibidores da Motilidade
Princípio Ativo: Cloridrato de Loperamida
Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado. Cloridrato de Loperamida Sandoz é um medicamento. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o farmacêutico. Leia a bula
Opiniões sobre o produto
Dê sua opinião sobre este produto
Escolha uma nota:
A sua avaliação passará por uma aprovação antes de ser publicada.
1